Lira vê virada de Bolsonaro sobre Lula nas pesquisas em ‘maio ou junho’

Lira destacou diminuição de vantagem de Lula 
nos últimos meses | Foto: Paulo Sergio/Câmara dos Deputados

Presidente da Câmara diz ver tendência de 'deslocamento de brasileiros moderados de centro' a favor da reeleição

O presidente da Câmara dos deputados Arthur Lira (PP-AL) afirmou acreditar que as pesquisas de intenção de voto para a Presidência da República vão mostrar Jair Bolsonaro (PL) à frente de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) já nas próximas semanas.

“A expectativa é de que, pelas últimas pesquisas, ele (Bolsonaro) passe no final de maio ou junho”, afirmou o deputado em entrevista ao Valor Econômico.

“Em fevereiro, eram 16 pontos percentuais de diferença entre os dois. Em março, eram dez pontos percentuais, e agora, 5. A grande massa no meio vai escolher o que cada um representa e, daí, esse deslocamento de brasileiros moderados de centro em direção ao Bolsonaro.”

Oficialmente, pelo calendário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a campanha começa em 16 de agosto.

Choque com Lula e defesa das eleições

Na última terça-feira, 3, Lira havia rebatido uma declaração de Lula a seu respeito, dizendo que o ex-presidente “vem cometendo uns atos falhos o tempo todo”. A declaração foi uma reação a uma fala do petista que comparou o deputado ao imperador do Japão.

“Me comparar, dizendo que eu sou poderoso, ao imperador do Japão, ele comete um ato falho da política mundial muito grave. Ele bateu foi no primeiro-ministro do Japão, que é quem tem o poder lá, porque o imperador lá não manda em nada”, comentou.

Já na última semana, o presidente da Câmara se posicionou em defesa da lisura das eleições. Junto com Rodrigo Pacheco (PSD-MG), presidente do Senado, Lira manifestou que “o processo eleitoral brasileiro é uma referência. Pensar diferente é colocar em dúvida a legitimidade de todos nós, eleitos, em todas as esferas.”

Redação Oeste

Postagem Anterior Próxima Postagem