Tribunal Penal Internacional abre investigação sobre conflito entre Rússia e Ucrânia

Karim Asad Ahmad Khan, procurador do Tribunal Penal 
Internacional, afirmou que abrirá investigação sobre conflito 
entre a Rússia e Ucrânia. Ebrahim HAMID / AFP - 12/08/2021

Procurador afirmou que está convencido de que ‘supostos crimes de guerra quanto os crimes contra a humanidade foram cometidos’ na invasão

Karim Asad Ahmad Khan, procurador da Corte de Haia, publicou uma nota nesta segunda-feira, 28, onde afirma que decidiu prosseguir com a abertura de uma investigação sobre a situação em território ucraniano. “Estou convencido de que há uma base razoável para acreditar que tanto os supostos crimes de guerra quanto os crimes contra a humanidade foram cometidos na Ucrânia“, afirmou. Segundo a publicação, uma equipe já está encarregada de preservar as evidências que serão anexadas no processo. “O próximo passo é prosseguir com o processo de busca e obtenção de autorização da Câmara de Instrução do Tribunal para abrir um inquérito”, explica. O procurador também ressaltou que solicitará apoio orçamentário adicional e pediu a colaboração da comunidade internacional através de contribuições voluntárias. “Apelarei à contenção e ao cumprimento rigoroso das regras aplicáveis ​​do direito internacional humanitário”, pontuou Khan.

Por Jovem Pan

Postagem Anterior Próxima Postagem