Por causa da chuva, Defesa Civil aciona sirenes em quatro comunidades da Zona Norte do Rio

Chuva no Rio deixou alguns pontos alagados. 
Fabio Costa / Agência O Dia

A quantidade de chuva no Parque Candelária, na Mangueira, Tuiuti e Telégrafos, ultrapassou o limite de 40 milímetros em uma hora

Rio - O município do Rio retornou em estágio de mobilização às 23h15 deste domingo. A Defesa Civil municipal acionou as sirenes nas comunidades Parque Candelária, Mangueira, Tuiuti e Telégrafos, todas na Zona Norte, por causa das fortes chuvas que atingiram essas localidades. A quantidade de chuva ultrapassou o limite de 40 milímetros em uma hora, determinado pelo protocolo de acionamento das sirenes. O maior acumulado foi na Mangueira com 43,8 milímetros de chuva em uma hora.

A Defesa Civil informou que está em contato com as comunidades para garantir atendimento caso sejam identificadas ocorrências emergenciais.

De acordo com o Alerta Rio, núcleos de chuva com intensidade moderada atuam na cidade. Os núcleos mais intensos, que estão na Região Serrana, não apresentam deslocamento para o município do Rio.

Continua após a publicidade

Ainda segundo o Alerta Rio, nesta segunda-feira, o transporte de umidade do oceano para o continente manterá o tempo instável no município do Rio. O predomínio será de céu encoberto e há previsão de chuva fraca a moderada, isolada, a qualquer momento do dia. Os ventos terão intensidade moderada (18,5 km/h até 51,9 km/h) e as temperaturas estarão em declínio em relação ao domingo, com mínima de 19°C e máxima de 26°C.

Com tanta água, foram formados 27 bolsões d'água em diversos pontos, a maioria na Zona Oeste, prejudicando o trânsito, ontem à noite. Também houve uma queda de árvore na Rua Muniz Barreto, em Botafogo.

Entre 6h e 6h15, o Sistema Alerta Rio, registrou chuva fraca nas estações Ilha do Governador, Alto da Boa Vista e Penha, na Zona Norte.

Continua após a publicidade

Houve registro de rajada de vento moderado nas estações Forte de Copacabana (47,9 km/h) e na estação Marambaia (43,2 km/h).

Postagem Anterior Próxima Postagem