Mais uma vez o Brasil mostra posição muito clara sobre conflito na Ucrânia, diz Ana Paula Henkel

Brasil votou a favor da resolução que condenou
 invasão russa à Ucrânia. REUTERS/Carlo Allegri

Com apoio do Brasil, a ONU aprovou uma resolução que condena a Rússia pela invasão à Ucrânia; programa Os Pingos Nos Is comentou

A Assembleia-Geral das Nações Unidas (ONU) aprovou nesta quarta-feira, 2, uma resolução que condena a Rússia pela invasão à Ucrânia141 países votaram a favor, incluindo o Brasil. Cinco foram contrários e 35 se abstiveram. A reunião, feita de forma emergencial, foi convocada pelo Conselho de Segurança para discutir a situação do Leste Europeu. Para aprovação, era necessário que 2/3 dos países votassem a favor. A China, que já tinha dado indícios que apoiaria a Rússia, foi um dos países que se absteve.

Ana Paula Henkel, comentarista do programa Os Pingos Nos Is, da Jovem Pan News, afirmou que, ao votar a favor da resolução, o Brasil mostrou seu posicionamento sobre o conflito. “Mais uma vez o Brasil mostra a posição muito clara. O presidente já tinha falado, nossa posição já tinha sido dita em relação à neutralidade, sempre promovendo a tentativa de apaziguar, de tentar achar um denominador comum para a paz através das vias diplomáticas”, afirmou. “No entanto, a imprensa continua empurrando a falácia de que Bolsonaro é pró-Rússia. Nesse contexto, seria interessante que o próprio chanceler viesse a público e explicasse de uma vez por todas a posição do Brasil”, opinou. 

Assista ao programa Os Pingos Nos Is desta quarta-feira, 2: 

Por Jovem Pan

Postagem Anterior Próxima Postagem