terça-feira, 15 de março de 2022

Conflito nuclear volta a ser possibilidade na Ucrânia, diz secretário-geral da ONU

Antonio Guterres pediu o fim das hostilidades
 entre Rússia e Ucrânia. Agência EFE

António Guterres pediu o fim das hostilidades e defendeu a preservação da segurança de instalações nucleares

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, afirmou nesta segunda-feira, 14, que um conflito nuclear é uma possibilidade na Ucrânia e pediu o fim das hostilidades. “A perspectiva de um conflito nuclear, outrora impensável, agora volta a ser uma possibilidade”, disse Guterres a repórteres. A declaração ocorre após a Rússia aumentar o nível de alerta de suas forças nucleares, o que Guterres descreveu como um “desdobramento de dar frio na espinha.”

O secretário-geral também defendeu a preservação da segurança de instalações nucleares, após um incêndio na usina nuclear de Zaporizhzhia na Ucrânia, a maior da Europa, que começou durante a tomada da usina por forças russas. Ele disse ainda que a ONU alocaria mais 40 milhões de dólares do Centro de Resposta de Emergência para reforçar a assistência humanitária à Ucrânia.

Por Jovem Pan

*Com informações da Reuters