Bolsonaro volta a ser hospitalizado em Brasília

Bolsonaro foi internado em janeiro deste ano em
 razão de um quadro de obstrução intestinal.
 JOÃO GABRIEL RODRIGUES/FATOPRESS

Presidente foi encaminhado ao Hospital das Forças Armadas após sentir desconforto no Planalto; mandatário era aguardado na cerimônia de filiação de dois de seus ministros ao Republicanos

O presidente Jair Bolsonaro deu entrada no Hospital das Forças Armadas (HFA), em Brasília, na noite desta segunda-feira, 28. O mandatário do país sentiu um desconforto no Palácio do Planalto, foi atendido por médicos da equipe presidencial e encaminhado à unidade de saúde para a realização de exames. O chefe do Executivo federal era esperado na cerimônia de filiação dos ministros da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, e da Família, Mulher e Direitos Humanos, Damares Alves, ao Republicanos, mas não compareceu. Segundo informações da repórter Iasmin Costa, da Jovem Pan, o ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, discursou no evento, tranquilizou a primeira-dama, Michelle Bolsonaro, e afirmou que Bolsonaro seria submetido a “exames de rotina”. Segundo servidores da cúpula do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) ouvidos pela Jovem Pan, o presidente está bem, realizou os exames e segue em observação. Em janeiro deste ano, o presidente foi internado em razão de um quadro de obstrução intestinal, uma consequência da facada que levou em setembro de 2018, durante a campanha eleitoral. Procurada, a Secretaria Especial de Comunicação da Presidência (Secom) não se manifestou até a publicação desta reportagem.

Por Jovem Pan

Postagem Anterior Próxima Postagem