segunda-feira, 21 de fevereiro de 2022

Procon Rio das Ostras intensifica fiscalização e lavra auto de infração contra Caixa Econômica Federal

Fiscais do Procon autuaram a CEF do Jardim Mariléa. 
Foto: Divulgação

Clientes chegam a esperar até uma hora e meia para atendimento

A Coordenadoria de Proteção e Defesa do Consumidor –  Procon Rio das Ostras lavrou na quinta-feira, 17 de fevereiro, um auto de infração contra a agência da Caixa Econômica Federal, localizada no Jardim Mariléa, onde os clientes chegam a esperar por mais de um hora e meia pelo atendimento.

De acordo com as leis estaduais n° 4223/2003 e 7720/2017, os consumidores devem ser atendidos nas agências bancárias em até 30 minutos. Os fiscais do Procon constataram que o prazo de atendimento era muito superior ao estipulado na legislação, lavraram o auto de infração e o banco devidamente notificado para apresentar a defesa dentro do prazo legal.

“As agências bancárias do Município estão sendo frequentemente fiscalizadas para que os direitos dos consumidores sejam resguardados”, informou Rafael Macabu, coordenador do Procon Rio das Ostras.

Policiais do Proeis Rio das Ostras em mais uma ação tira drogas das ruas em Nova Esperança

Material entorpecente e suspeitos foram encaminhados para a 128ªDP para as medidas cabíveis. Foto: Divulgação

Mais uma vez, o Programa Estadual de Integração na Segurança – Proeis de Rio das Ostras mostra o trabalho que está sendo realizado na Cidade no combate ao crime. Na sexta-feira, 18, policiais em serviço pelo Programa apreenderam 19 pinos de cocaína, 56 trouxinhas e 12 tabletes de maconha, três celulares e R$115 reais.

Os agentes realizavam patrulhamento quando receberam informações de que um homem estaria realizando a venda de entorpecentes em uma praça da localidade de Nova Esperança. Segundo as informações, o rapaz ainda estaria buscando drogas na Rua Joaquim Azeredo.

A guarnição se direcionou ao local e encontrou o suspeito que jogou algumas drogas ao chão. O rapaz disse aos policiais onde as outras drogas estariam escondidas e indagado pelos policiais relatou que para quem vendia as drogas e onde o indivíduo estaria no momento.

Os PM’s conseguiram encontrar no local indicado a sacola com as drogas e também foram ao local procurar o sujeito conhecido como Fernandinho.

O homem foi localizado e na revista pessoal foi encontrado três aparelhos celulares com chips destacados, anotações do tráfico, dinheiro e em seu short foram encontrados uma sacola plástica com 56 trouxinhas e 12 tabletes de maconha, e 13 pinos de cocaína. O local da abordagem é conhecido pela prática de venda de entorpecentes. Diante dos fatos, os homens e o material apreendido foram encaminhados a 128ª Delegacia de Polícia para que as medidas fossem tomadas.

“Essas apreensões constantes são um reflexo de um trabalho feito com compromisso com a população e com o Município. Continuaremos atuantes combatendo a criminalidade”, declarou Cosme Moreira, coordenador do Proeis no Município.