Putin e Maduro conversam por telefone sobre cooperação entre Moscou e Caracas

Mandatários da Venezuela e Rússia conversaram
 por telefone nesta quinta-feira. 
SERGEI CHIRIKOV / POOL / AFP

Kremlin informou que países debateram situação do coronavírus e falaram sobre ‘fortalecimento da soberania’ da Venezuela

O presidente da RússiaVladimir Putin, conversou por telefone nesta quinta-feira, 20, com seu homólogo da VenezuelaNicolás Maduro, e ambos reafirmaram sua disposição de fortalecer a cooperação entre Moscou e Caracas em vários níveis, segundo informou o Kremlin. “Eles concordaram em ativar contatos russo-venezuelanos em vários níveis”, informou a presidência russa, observando que Putin expressou seu “apoio inabalável aos esforços das autoridades venezuelanas para fortalecer a soberania e garantir o desenvolvimento econômico e social do país”. Os dois líderes discutiram questões atuais das relações entre os dois países, bem como o andamento de projetos conjuntos nas áreas de comércio, economia e energia.

“A importância de continuar a cooperação na luta contra o coronavírus, incluindo o fornecimento de vacinas russas para a Venezuela, foi ressaltada”, acrescentou o Kremlin. Putin e Maduro confirmaram também sua intenção de “manter estreita coordenação” com organizações internacionais “de acordo com os princípios de associação estratégica que regem as relações dos dois Estados”. A Rússia é um dos maiores aliados políticos e comerciais do governo de Nicolás Maduro, no poder desde 2013. Os laços entre os dois países foram fortalecidos durante o governo do falecido presidente Hugo Chávez e se mantêm no governo Maduro, mesmo depois que, em 2019, vários países da comunidade internacional retiraram seu reconhecimento como presidente, após ter sido reeleito em eleições controversas um ano antes.

Por Jovem Pan

*Com informações da EFE

Postagem Anterior Próxima Postagem