Nicolás Maduro vira super-herói: o “Super Bigode”

Foto: reprodução YouTube

"SuperBigode e sua Mão de Ferro" resolve os blecautes diários da Venezuela lutando contra o "imperialismo"

O ditador da Venezuela, Nicolás Maduro, agora virou super-herói da TV local: “Super Bigode e sua Mão de Ferro”. A animação parece produzida na década de 1980 e culpa o “imperialismo” pelos blecautes diários no país.

“Super Bigote y Su Mano de Hierro” começa na Casa Branca, onde um presidente-vilão inspirado em Donald Trump dispara um drone que provoca um blecaute no país inteiro. Caricaturas de representantes populares (um operário, uma dona de casa, etc) pedem ajuda ao Super Bigote, que sai voando e destrói o drone. A luz volta a ser ligada em toda a Venezuela. O “noticiário” abaixo elogia no novo super-herói em sua “luta contra o imperialismo”:

Não é a primeira vez que um ditador venezuelano vira herói de animação. O antecessor de Maduro, Hugo Chavez já havia sido descrito chegando ao “paraíso” (um campo gramado com uma árvore e uma cabana) e sendo recebido por heróis esquerdistas como Che Guevara, Bolivar, Sandino, Salvador Allende, e outros não identificados.

 

Redação Oeste


@sbtpiemonte

Postagem Anterior Próxima Postagem