Justiça decreta prisão preventiva contra suspeito de espancar ex-mulher em Nova Friburgo

A vítima dá a marcha a ré, mas o agressor consegue
 tirá-la do carro. — Foto: Câmeras de segurança

O caso aconteceu no último sábado (22) em Olaria. A vítima de 42 anos foi atendida no Hospital Municipal Raul Sertã.

A Justiça em Nova Friburgo, na Região Serrana do Rio, decretou a prisão preventiva contra um homem suspeito de espancar a ex-mulher, de 42 anos. O inquérito policial foi conduzido pela Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) e a prisão foi decretada pelo juiz Marcelo Villas.

A agressão ocorreu no sábado (22), no bairro Olaria, e foi registrada por câmera de segurança. As imagens (veja acima) mostram o momento em que a vítima sai com o carro, que estava estacionado, e o agressor, que estava em um outro veículo, parando um pouco mais a frente. Em seguida, ele desce do carro e começa a golpear o para-brisas do carro da mulher.

A vítima chega a dar a marcha à ré mas o agressor consegue tirá-la do carro. Ela cai no chão, se levanta e tenta correr. A sequência do vídeo mostra o homem correndo atrás dela e, quando a alcança, começa a agredi-la.

O homem leva a vítima para trás de um caminhão e as câmeras não registram mais a violência. Depois, o homem aparece correndo, fugindo do local.

A vítima conseguiu ir à delegacia fazer o registro do caso. Em seguida, ela foi encaminhada para o Hospital Municipal Raul Sertã.

Segundo a Deam, o suspeito ainda não compareceu à delegacia e foi indiciado por lesão corporal, dano e ameaça.

De acordo com a irmã da vítima, a mulher teve os dentes quebrados e precisou levar pontos na cabeça. O veículo teve o para-brisa trincado por conta das pancadas.

"Solicitei que a PM fique atenta para a proteção da vítima até a prisão do suposto agressor", disse o juiz Marcelo Villas, completando que ele é considerado foragido da Justiça.

Segundo o juiz, o homem não foi localizado pela polícia.

Por g1 — Nova Friburgo

Postagem Anterior Próxima Postagem